Menu

Nota de esclarecimento sobre a análise de álcool em gel – LabRMN UFPR

Nesse momento de pandemia o Laboratório Multiusuário de Ressonância Magnética Nuclear do Departamento de Química (LabRMN UFPR) vem atuando de forma pioneira, ofertando à comunidade um Teste Grátis de Qualidade de Álcool em Gel. Esta iniciativa está disponível a toda a população, e é realizada a partir do envio de amostras, de qualquer lugar do país, respeitando as considerações de sigilo com relação a marcas e registros.

O LabRMN confirma que realizou análise de amostras fornecidas pelo SISMMAC e SISMUC. Entretanto, é importante frisar, que o LabRMN não atesta, confirma ou identifica a origem de procedência das amostras e nem se responsabiliza pelo armazenamento, ou fatores que potencialmente podem influenciar os resultados, antes da amostra ser recebida no LabRMN.

Sobre o Laboratório Multiusuário de Ressonância Magnética Nuclear do Departamento de Química (LabRMN UFPR)

O Laboratório Multiusuário de Ressonância Magnética Nuclear do Departamento de Química (LabRMN UFPR) tem contribuído significativamente para que a Universidade Federal do Paraná alcance a posição de destaque a que se propõe em seu Plano de Desenvolvimento Institucional, através de atividades de ensino, pesquisa e inovação tecnológica, com alcance em todos os setores da sociedade. No âmbito institucional, caracteriza-se como um laboratório exclusivamente multiusuário, com uso compartilhado de sua infraestrutura analítica por alunos, professores e técnicos.

Além do indiscutível papel no apoio às atividades de pesquisa, ações importantes têm sido conduzidas com relação à prospecção além do meio acadêmico. Com relação à proteção e defesa do consumidor e combate às fraudes, o Laboratório tem atuado em conjunto com a Vigilância Sanitária, o Ministério da Agricultura e o Laboratório Central do Estado. Estas ações, exemplificadas nos links de reportagens abaixo, são exemplos práticos das possibilidades de utilização de nossa infraestrutura a prol da sociedade, que é a financiadora legitima de toda infraestrutura das universidades.

Este trabalho levou a consolidação de recentes acordos de cooperação técnica e de contratos importantes para a Universidade, como a Secretaria de Segurança Pública do Estado, através das Polícias Científica e Federal e a recente criação do Centro de Ciências Forenses, único no Brasil, em que o Laboratório de RMN ocupa papel de destaque.

No contexto da atual pandemia de COVID-19, o LabRMN tem atuado de forma pioneira para o controle de qualidade de sanitizantes a base de álcool em gel. Este trabalho, disponível a toda comunidade de forma absolutamente gratuita, teve início em função da necessidade dos órgãos de fiscalização e controle em verificar de forma rápida e direta o teor alcoólico presente em amostras apreendidas (http://www.exatas.ufpr.br/portal/blog/professores-do-departamento-de-quimica-examinam-falsificacao-de-alcool-em-gel-em-parceria-com-a-policia-cientifica-do-parana/).

Neste momento, em que todos devemos contribuir para evitar a disseminação do vírus e salvar vidas, comprometidos com a função social da instituição e buscando auxiliar a população de uma forma imediata, disponibilizamos a toda comunidade a possibilidade de submeter amostras de álcool em gel para averiguar o teor de álcool contido nos produtos. As análises são realizadas a partir do envio de amostras, de qualquer lugar do país, respeitando as considerações de sigilo com relação a marcas e registros. O objetivo desta ação comunitária é auxiliar àqueles que, por alguma razão, desejam confirmar a qualidade e eficiência dos produtos a que tem acesso, para que as medidas de prevenção possam ser verdadeiramente eficientes. Em vista disso, os resultados obtidos não apresentam valor jurídico. Trata-se de instrumento facilitador para que o consumidor possa acionar os mecanismos de defesa junto aos órgãos competentes.

Recentemente, análises de teor de álcool contido em amostras suspeitas de adulteração apreendidas pelas polícias federal e estadual contribuíram para que produtos inadequados fossem retirados em circulação, incluindo produtos adquiridos pelo estado para distribuição a seus servidores. Desde então, o Laboratório tem prestado apoio aos setores de diversos estados e prefeituras, responsáveis pela compra deste material por licitação.

Infelizmente, as estatísticas até o presente momento vêm mostrando um alto índice de produtos em desconformidade com a regulamentação vigente. Cerca de 80% das amostras recebidas apresentam teores de álcool inferiores a 68%, teor mínimo estabelecido pela ANVISA (RDC 350/20).

Neste sentido, o Laboratório Multiusuário de RMN da UFPR, reitera sua atuação para contribuir ao enfrentamento da pandemia de COVID-19, permanecendo a disposição de todos os setores da sociedade para verificação de sanitizantes a base de álcool gel. Reiteramos igualmente o compromisso da UFPR junto à comunidade para que os verdadeiros autores de ações fraudulentas possam ser identificados pelas autoridades competentes.

Comitê Gestor do Laboratório Multiusuário de RMN

Comitê Gestor do Laboratório Multiusuário de RMN

UFPR nas Redes Sociais

UFPR no Flickr
Universidade Federal do Paraná
Departamento de Química
Centro Politécnico - Jardim das Américas - Caixa Postal 19061
Fone(s): 55 (41) 3361-3396
CEP 81.531-980 | Curitiba |


©2021 - Universidade Federal do Paraná

Desenvolvido em Software Livre!